Posted in:

Como usar a fita de suspensão para fazer aulas mais dinâmicas

fita de suspensão

Conforme a população se conscientiza da importância de um estilo de vida saudável a busca por exercícios físicos aumenta. Entre as muitas modalidades que podem ser praticadas está o treino em fitas de suspensão, conhecido por usar somente o peso do corpo para um trabalho completo.

Você provavelmente já ouvir falar sobre, experimentou ou até já o utilizou em alguma de suas aulas. O treino em suspensão é bastante popular com alunos que ficam entediados com as rotinas comuns das academias e querem um trabalho diferenciado e dinâmico.

E não só as academias estão ganhando com as fitas de suspensão. Quem prefere ficar no conforto de casa para treinar encontrou nesses equipamentos a possibilidade de um trabalho completo que não precisa de pesos e equipamentos complicados e caros

Dá para entender por que as fitas de suspensão podem ser tão interessantes para você e seu trabalho?

Se você também está interessado nas fitas de suspensão e quer entender um pouquinho melhor como aplica-las em sua rotina de treinamento então continue lendo o texto abaixo. Separei algumas dicas para montar uma aula usando a fita de suspensão.

De onde vem o treino em suspensão?

Olhe para aquelas fitas de náilon penduradas em uma estrutura na academia. Parece algo muito moderno e inovador, mas a ideia nem é tão nova assim. Aristas circenses, acrobatas e outros atletas usam estruturas suspensas desde quase sempre para se exercitarem.

A diferença entre os usos do treino em suspensão no passado e hoje está mais em seu público. Como mencionei, quem se pendurava para treinar no século XVII era um grupo muito restrito de artistas e acrobatas. O público mainstream mal sabia que técnicas desse tipo existiam.

Quem percebeu que a suspensão era uma boa maneira de treinar mesmo para pessoas normais foi o membro da marinha americana Randy Hendrik. Hendrik era parte da marinha americana e, como todos seus colegas militares, passava por um rigoroso treinamento. Mas eventualmente ele encontrou um problema: como continuar treinando mesmo em viagens.

Um dia ele experimentou usar uma antiga faixa de jiu-jitsu e alguns restos de paraquedas para fazer exercícios e descobriu que era muito eficiente. Depois de amarrar e costurar suas ferramentas umas às outras ele prendeu tudo num ponto fixo alto.

Hendrik testou e aprovou sua invenção para manter sua saúde e de seus companheiros. Ele criou mais de 50 exercícios usando a ferramenta que posteriormente ficou popular em todo o mundo.

Esse foi o início do que eventualmente se tornaria nas fitas de suspensão usadas atualmente. Atualmente a fita de suspensão é um equipamento que pode ser usado por pessoas com qualquer tipo de corpo através de ajustes.

Princípios do acessório

princípios da fita de suspensão

A fita atual se baseia em três princípios da física. São eles:

  • Vetor de resistência;
  • Pêndulo;
  • Estabilidade.

Comecemos falando sobre o vetor de resistência. Esse princípio é uma forma de diminuir ou aumentar o torque de resistência que está atuando sobre certo músculo durante o exercício. Para isso baseia-se no ângulo formado entre o solo e o executante do movimento.

O princípio seguinte, do pêndulo, consiste em aumentar a resistência de acordo com a relação entre a posição inicial do corpo e o ponto de ancoragem do acessório.

Finalmente chegamos no princípio da estabilidade. Ele considera que quando menor for a base de apoio do executante maior será a instabilidade, levando a uma maior dificuldade do exercício.

Ao manipular esses princípios o instrutor consegue trabalhar o corpo por inteiro ou direcionar o treinamento para um objetivo específico.

Vantagens da fita de suspensão

A primeira vantagem é bastante óbvia: versatilidade. As fitas são bastante fáceis de instalar, podem ser usadas em quase qualquer ambiente e servem para uma grande variedade de exercícios.

Usando as fitas seus alunos trabalharão o corpo inteiro ao mesmo tempo que desenvolvem melhor equilíbrio e coordenação motoro.

Quer mais benefícios? As fitas de suspensão podem ser usadas com qualquer tipo de alunos. Não importa se seu cliente é um iniciante que começou a se exercitar agora ou um atleta que está tentando melhorar seu rendimento, os dois conseguem se beneficiar.

Claro que o profissional precisa adaptar os exercícios para as necessidades individuais de cada, mas é possível usar o equipamento com todos seus alunos.

Se você está preocupado com os objetivos de seu aluno fique sabendo que o treinamento em suspensão também serve para diversos fins como emagrecimento, hipertrofia, definir o corpo, reabilitação da fase inicial a te a prevenção ou apenas continuar saudável.

Exercícios na fita de suspensão conseguem proporcionar uma série de benefícios para seus alunos, como:

  • Força;
  • Equilíbrio;
  • Estabilidade;
  • Mobilidade.

Força

Quando estamos fazendo um exercício na fita de suspensão é preciso utilizar uma quantidade maior de força para se estabilizar no equipamento. Isso pode tornar alguns movimentos mais difíceis para seus alunos iniciantes, mas nada que um bom processo de preparação não resolva.

Através dos movimentos nesse equipamento o aluno também consegue melhorar sua estabilização do Core. Contrair essa região ajuda a manter o equilíbrio, fazendo com que o aluno aprenda a importância de sua ativação antes de qualquer exercício.

Equilíbrio

As fitas de suspensão criam uma situação onde o corpo está desestabilizado ao mesmo tempo em que suporta carga. Isso exige uma boa ativação do Core, algo que qualquer atleta precisa, consciência corporal e, claro, equilíbrio.

Conforme a pessoa melhora seu desempenho nas fitas, ela também fica mais equilibrada. Se você trabalha com atletas essa é uma ótima razão para introduzir exercícios na fita de suspensão para seus alunos, eles conseguirão se beneficiar muito com isso.

Estabilidade

Assim que uma parte do corpo é desestabilizada as musculaturas precisam aumentar seu desempenho. Devido a essa estabilidade as cadeias precisam operara de maneira muito mais precisa e com maior força.

Alunos com falta de estabilidade podem ter problemas para realizar exercícios num primeiro momento. Por isso sempre recomendo que você prepare seus alunos e pacientes antes de qualquer exercício mais avançado, mesmo que ele seja numa base estável.

A estabilidade, da mesma maneira que o equilíbrio, precisa estar presente em qualquer atleta que deseje ter bom desempenho e diminuir o risco de lesões. Na verdade, essas duas características deveriam ser importantes para todos seus alunos, mesmo que eles pratiquem um exercício somente moderado ou sejam praticamente sedentários.

Desafio

Vimos até agora que as fitas de suspensão trazem diversos benefícios para o corpo de seu aluno. Mas eles não param por aí, uma de suas vantagens é para sua aula.

Exercícios com esse equipamento podem ser altamente desafiadores, te ajudando a preparar uma sequência para atletas ou alunos mais exigentes.

A fita também passa uma impressão mais “atlética” para seus circuitos. Ela é um adicional interessante para as aulas que ajuda a dinamizar os circuitos e fidelizar os clientes que estão em busca de atividades menos monótonas.

Fita de suspensão no Treinamento Funcional

fita de suspensão 2

Praticantes de Treinamento Funcional provavelmente são familiares com as fitas como maneira de complementar suas atividades físicas. Elas servem perfeitamente ao propósito desse tipo de treinamento, justificando sua popularidade.

O Treinamento Funcional tornou-se conhecido por ter como objetivo melhorar os movimentos funcionais do corpo de maneira integrada. Para isso usamos movimentos fundamentais como agachar, puxar, empurrar e girar.

Em geral, o corpo está cheio de disfunções, desequilíbrios e tensões espalhadas que podem ser corrigidas através de exercícios do Treinamento Funcional. Como já mencionei em meu texto sobre Treinamento Funcional Terapêutico, ele tem grandes capacidades para reabilitação.

A melhor notícia é: as fitas suspensas podem e devem ser utilizadas em circuitos de Treinamento Funcional. Em primeiro lugar, é possível realizar todos os movimentos fundamentais utilizando as fitas com movimentos como agachamento, flexões, abdominais e remadas.

Também conseguimos usar a fita como uma maneira de intensificar o exercício, fazendo com que o aluno precise usar também seu equilíbrio. Usando esse equipamento, você consegue adaptar circuitos para alunos de qualquer nível, usando exercícios mais fáceis ou difíceis conforme preferir.

Todos os exercícios executados com o acessório também correspondem aos ideais do Treinamento Funcional de trabalhar o corpo por inteiro. Os movimentos executados são funcionais e utilizam o complexo do Core, com os músculos abdominais e estabilizadores da coluna.

Fita de Suspensão no Pilates

fita de suspensão no pilates

Nós sabemos que o Pilates possui seus próprios aparelhos originais, os mais utilizados atualmente são Chair, Barrel, Reformer e Cadillac. Ele tem também todo seu repertorio de 34 exercícios clássicos no mat.

Temos consciência que utilizando esse repertorio já seria um trabalho muito eficiente para qualquer pessoa, mas conseguimos adaptar os exercícios dessa técnica fantástica na fita suspensa, não só para aquelas pessoas que não possuem os equipamentos do Pilates, mas também como uma forma de variar os exercícios.

O que podemos fazer é utilizar toda as vantagens que a fita suspensa me traz, que já mencionei anteriormente e unir aos exercícios do Pilates.

 Será que consigo usar a fita de suspensão no meu espaço?

Algumas pessoas talvez desistam de usar a fita de suspensão porque precisa de instalação. Na verdade, isso não é motivo para medo. Ela é bastante fácil de instalar e pode ser usada em praticamente qualquer lugar.

Esse é um equipamento tão prático que conseguimos usá-lo até em ambientes externos. Se você estava procurando algo para dar uma mudada nas aulas e usar aquele espacinho ao ar livre com seus alunos, essa é uma boa opção.

Um detalhe que vale a pena ser lembrado: você pode usar a fita como um dos equipamentos do seu espaço em conjunto com outros equipamentos e acessórios de Treinamento Funcional, mas também é possível usar somente a fita para um treinamento completo.

Dá para usar os exercícios até em Studios de Pilates. Mesmo que seu Studio seja pequeno, você pode instalar a fita de suspensão e usar para treinar a estabilidade de Core de seus alunos e mobilidade. Alguns movimentos do Pilates como o Hundred e Swam podem ser adaptados facilmente para a fita.

Como preparar aulas para a fita de suspensão

fita de suspensão no espaço

Já mencionei que a fita de suspensão é extremamente prática e versátil. Você pode usar como um simples complemento para suas aulas ou criar circuitos completos. Agora vou ensinar como fazer aulas com esse tipo de exercício de uma maneira diferente que eu gosto de trabalhar.

Claro que vocês podem ter seus exercícios e tipos de aulas preferidas, essa é a minha forma. Essa aula segue o estilo que ensino no meu curso do Movimento Inteligente (MIT), então se quiser saber mais é só conferir lá no site.

Podemos dividir essa aula em três partes:

  • Preparação do corpo;
  • Técnicas de movimento;
  • Desafio.

Preparação do corpo

No início da aula nosso aluno ainda não está preparado para realizar o movimento. A preparação é extremamente importante para qualquer tipo de pessoa, especialmente quando usamos instabilidade, que é o caso da fita de suspensão.

Nessa fase você fará algo como um aquecimento. Os tipos de exercícios usados dependem muito de aluno para aluno. A escolha dos exercícios deve ser baseada nas dificuldades que você descobriu a partir de uma boa avaliação.

Técnicas de movimento

Depois de realizar a preparação do corpo do seu aluno, você deve escolher um único exercício para a segunda parte. Por exemplo, o agachamento.

Divida esse exercício em várias formas para ensinar a pessoa a fazer o exercício. Podemos fazer esses movimentos na fita suspensa, com acessórios ou sem equipamentos, a escolha é sua.

O que devemos fazer para ensinar o aluno a se movimentar? Podemos quebrar o exercício em partes e mostrar parte por parte. Outra possibilidade é usar versões simplificadas para que o aluno se prepare para o movimento completo.

Preste muita atenção nas necessidades, desequilíbrios e disfunções que o corpo do aluno apresenta. Agora é a hora de corrigir todos esses problemas, tornando seu movimento o mais perfeito possível. Lembrando que queremos a qualidade de movimento sempre, então não podemos deixar desequilíbrios passar despercebidos.

Desafio

Ao chegar nessa parte chega a hora de desafiar seu aluno. Não importa com quem você está trabalhando, pode ser um idoso de setenta ano, você vai desafiar seu corpo de qualquer maneira, mas com desafios diferentes.

Perguntas frequentes

  1. Posso trabalhar patologias de coluna na fita de suspensão?

Com certeza. A fita é um ótimo acessório para usar em tratamentos e reabilitações, inclusive de patologias de coluna. Claro que isso não dispensa uma boa avaliação, você precisa descobrir primeiro quais são os exercícios adequados para aquele paciente.

Se bem aplicada e com os exercícios corretos, a fita de suspensão é uma ótima aliada durante o tratamento.

  1. TRX ou fita de suspensão, qual é o nome certo?

TRX na verdade é uma marca de fita. A fita suspensão é o acessório que usamos, já a TRX é a primeira marca a introduzir esse produto no mercado. Por ser a primeira, e consequentemente mais famosa, muitas pessoas chamam a fita de TRX, mas existem fitas de suspensão de diversas marcas.

  1. Consigo fazer os mesmos exercícios da fita de suspensão na Power Cord da Suspensus?

Sim, eles têm uma função bastante semelhante. A diferença é que com o Power Cord da Suspensus você consegue fazer alguns exercícios a mais por causa dos ajustes do aparelho. Se você quiser entender um pouquinho mais desse acessório é só clicar nesse link.

  1. Muitos alunos me perguntam se podem ter a fita de suspensão em casa. O que você acha?

Contanto que esse aluno seja muito bem orientado a fazer os exercícios e você supervisionar para ter certeza que ele fez corretamente, pode sem problemas. Porém ele precisa de uma orientação muito bem-feita para garantir que esse treinamento será eficiente.

Você pode até passar alguns exercícios para ele fazer em casa, mas você deve ver ele fazer antes de deixar que faça sozinho. Outra coisa, passe sempre exercícios fáceis onde ele não tenha possibilidade de erro.

Instrua seu aluno para que ele não fique inventando coisas novas na fita de suspensão e que sempre peça sua orientação para o treinamento.

Conclusão

fita de suspensão conclusão

Existem diversos acessórios feitos para deixar a aula mais interessante e dinâmica para nosso aluno. Quem quiser dar uma variada nos exercícios e aplicar algo um pouquinho diferente pode optar pela fita de suspensão.

Ela é extremamente eficiente para realizar exercícios de Treinamento Funcional, Pilates e até para ser usada na reabilitação de patologias. Claro que tudo depende de uma boa aplicação por parte do profissional, mas é um acessório bastante recomendado.

Depois de ler esse texto você já está pronto para começar a aplicar a fita de suspensão com seus alunos? Comente aí embaixo se gostou das dicas e como pretender usar esse acessório. E não esqueça de acompanhar sempre meu blog para mais textos como esse.


2 Comentários

Deixe uma Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *