Posted in:

Por que a fita de suspensão é o equipamento ideal para sua aula?

por que a fita de suspensão e ideal para sua aula

Algumas aulas simplesmente precisam de um equipamento ou acessório para deixá-las mais completas. Por acaso você já pensou em qual seria o melhor equipamento para complementar praticamente todas suas aulas? Tenho um dica: a fita de suspensão.

Selecionei aqui todas as informações que você precisa sobre esse ótimo equipamento. Entenda por que a fita de suspensão é tudo que você precisa para dar uma aula com mais qualidade e variedade. Vamos aprender? Então continue lendo até o final.

O que é fita de suspensão

o que é fita de suspensão

Equipamento desenvolvido pela elite militar americana, os Navy Seals, para um trabalho eficiente e completo, mesmo quando sem equipamento para treinar. Apesar de ela ser razoavelmente recente nos treinamentos, a suspensão já é usada há tempos.

Existiam alguns grupos especiais, como artistas circenses e acrobatas, que utilizavam a suspensão. Eles foram os primeiros a perceber sua eficiência, porém seu uso criou uma ideia errada de que suspensão e só para praticantes avançados de atividades físicas. Quando alguém vê um atleta olímpico usando argolas para treinar nunca imagina que também consegue fazer isso. Pelo menos era assim até que Randy Hendrik, o criador da fita de suspensão, levasse a técnica para o público mainstream. Os motivos que levaram o ex-militar a utilizar a fita de suspensão foram:

  • Sua praticidade;
  • Sua eficiência.

Agora pare um pouco para pensar nisso: um militar de elite criou a fita de suspensão para usar em seus treinamentos. Isso quer dizer que ela garante atividades físicas bastante intensas e eficientes.

Resumindo, conseguimos complementar muito as aulas utilizando fitas de náilon presas a um ponto fixo. É claro que ela só terá eficiência se você souber usá-la, por isso recomendo continuar a leitura para aprender mais.

Como usar no treinamento funcional

como usar no treinamento funcional

Se existe uma modalidade que consegue benefícios através da fita de suspensão, é o Treinamento Funcional. Seus princípios se encaixam perfeitamente e a fita ajuda a adaptar alguns exercícios tradicionais da modalidade.

Através dela conseguimos trabalhar com características como:

  • Estabilidade;
  • Equilíbrio;
  • Propriocepção;
  • Força;
  • Potência.

Quem trabalha com aulas de funcional sabe como essas características são importantes. Um equipamento capaz de combinar todas elas também torna-se uma ótima adição para nossas aulas. Mas existe um motivo especial para dar ênfase nesse equipamento durante a aula de Treinamento Funcional: o treino de Core.

Como sabemos, o Core é um conjunto muscular que recebe muita atenção no funcional. Para trabalhá-lo em aula precisamos de exercícios globais, não somente abdominais como muitos alunos pensam. Boa parte das musculaturas do Core está sim localizada na região abdominal, porém também existem aqueles na região lombar e até pélvica. Se mandar o aluno fazer 100 abdominais toda aula fosse o suficiente para fortalecer esse conjunto com eficiência não existiriam tantos acessórios e exercícios globais no funcional.

O que a fita de suspensão faz pelo Core exatamente? Ela praticamente força o corpo a ativar essas musculaturas. A instabilidade proporcionada pelo equipamento faz com que o corpo altere seu padrão motor e, consequentemente, ative o Core. Portanto, praticamente todos os exercícios na fita de suspensão são úteis para esse fim.

Quais exercícios posso usar para o Treinamento Funcional?

exercícios que podemos usar na fita de suspensão

Claro que aplicar qualquer exercício em aula só porque está usando a fita de suspensão não o deixa automaticamente funcional. Antes você deve ter certeza de que ele realmente é funcional, para isso confira as seguintes características:

  • Ajuda a melhorar a capacidade biomotora;
  • Possui padrão de movimento parecido ou idêntico a padrões funcionais;
  • Incentiva a manutenção do centro de gravidade quando usando base de suporte (no caso, a fita de suspensão);
  • É compatível com os padrões de movimento generalizados do corpo;
  • Usa isolamento para levar à integração.

Falaremos um pouco desse último ítem em especial. Alguns se confundem com os princípios do TF e pensam que qualquer devemos excluir qualquer exercício isolado da prática. A realidade é diferente, exercícios isolados muitas vezes têm propósitos importantes. Só lembre que eles devem servir de base para um exercício integrado e eventualmente ajudar a preparar o corpo para se mover de maneira global.

Tudo no Treinamento Funcional possui um propósito e é isso que você deve buscar ao usar a suspensão.

Como usar no Pilates

Quando falo de usar a fita de suspensão no Pilates alguns fazem cara feia. Será que esse equipamento realmente combina com Pilates, ou melhor, atende aos requisitos do Método? A resposta rápida é: sim, com certeza. A fita de suspensão é um equipamento que só tem a adicionar a sua aula de Pilates e agora aprenderemos os motivos.

Um praticante de Pilates precisa praticar exercícios com movimentos fluidos, corretos e controlados sempre com uma boa ativação do Power House. O Método, que inicialmente chamava-se Contrologia, traz diversos benefícios que já conhecemos.

De maneira similar ao Funcional, nem tudo pode ser considerado Pilates. Se o exercício não aderir aos princípios do Método ele dificilmente cumprirá um propósito dentro da aula. Os princípios são:

  • Centralização;
  • Concentração;
  • Controle;
  • Fluidez;
  • Precisão;
  • Respiração.

Por acaso os exercícios na fita de suspensão se encaixam dentro do Método Pilates? Certamente, já que eles nos ajudam a trabalhar seus princípios e Power House dentro da aula. Movimentos realizados com instabilidade exigem um maior controle e precisão para garantir sua eficiência. A centralização é garantida já que a fita leva a uma ativação eficiente de Power House e o mesmo se aplica para os outros princípios.

Outra dúvida comum é em relação ao seu uso com pacientes que sofrem de lesões ou patologias. Como ela passou a ser usada no Treinamento Funcional muitos imaginam que a fita seria avançada ou difícil demais para esses pacientes. Mas te garanto que ela pode sim ser utilizada.

Basta ter alguns cuidados básicos, como ficar próximo ao aluno para evitar quedas, e usar exercícios que estejam em seu nível de habilidades.

Combinações com outros acessórios

A fita de suspensão é um equipamento completo que proporciona exercícios ideias para aulas de Pilates ou Funcional. Para deixá-la ainda mais útil para nossas aulas é possível combiná-la com outros acessórios.

Uma das maneiras de fazer isso é utilizando o acessório para facilitar o exercício. Dê uma rápida olhada no exemplo abaixo.

usando fita de suspensão com outros acessórios

Nesse exercício utilizamos o step para facilitar o movimento. Seria similar a usar uma fitball quando o aluno realiza um agachamento e outros exercícios parecidos.

Também conseguimos inserir acessórios no exercícios que adicionam ainda mais instabilidade. Dê uma olhada nos exemplos abaixo.

 

usando fita de suspensão com outros acessórios 2

Esses são exercícios que tornam-se ainda mais avançados através do uso da fita de suspensão. Tome cuidado ao combinar a fita com outros acessórios com o objetivo de dificultar. Você precisa ter certeza que seu aluno é capaz de realizar o exercício com segurança e com movimentos de qualidade. Quanto mais dificultado for o movimento, maior o risco de lesões durante ele.

Mesmo que o aluno fique curioso com um exercício mais avançado que viu no Instagram evite o movimento até que ele esteja completamente preparado.

Como instalar fita de suspensão

como instalar fita de suspensão

Existe uma grande vantagem em adquirir uma fita de suspensão: ela é bastante fácil de instalar e usar. Basta ter um ponto fixo seguro (nada de instalar na porta do Studio que pode cair a qualquer minuto).

A fita é tão fácil de instalar que é comum utilizá-la em ambientes abertos como praças e parques. Se você gosta de dar aulas nesse locais pode aproveitar e levar a fita de suspensão com você, escolher um ponto bom e inserir alguns movimentos diferentes na sessão.

“Mas não tenho um ponto bom no meu Studio, será que ainda vale a pena comprar uma fita”

Existem suportes próprios para prender a fita de suspensão no teto que garantem a segurança e criam o ponto ideal de ancoragem. É o mesmo suporte que serve para prender sacos de boxe nas academias, então você pode confiar que ele aguenta o peso do corpo.

Fita de suspensão no treinamento suspenso

Chamamos de treinamento suspenso os exercícios que utilizam uma variedade de equipamentos para levar a suspensão.  Entre eles estão o Columpio, Columpio Wall e, claro a fita de suspensão. Através deles realizaremos uma quantidade quase infinita de exercícios e complementar a aula.

Os exercícios presentes no treinamento suspenso vão muito além dos “exercícios legais” que alguns instrutores querem para deixar a aula interessante. Todos eles obedecem os princípios da funcionalidade aos quais o Pilates e o Funcional obedecem. Por isso, são amplamente adaptáveis para os mais variados tipos de alunos e aulas.

Para realizar esse tipo de treinamento podemos realizar aulas com variadas intensidades e níveis de complexidade. Os exercícios pode, ser realizados com parte do corpo em suspensão (no caso da fita de suspensão) ou com todo ele suspenso (no caso do Columpio). A intenção é adicionar um elemento de instabilidade aos exercícios e melhorar equilíbrio e propriocepção. O melhor de tudo ao usar o treinamento suspenso é: existe uma infinidade de exercícios que podemos usar em nossas aulas. E eles servem para qualquer tipo de aluno. Mas falarei mais sobre isso posteriormente.

Como preparar exercícios na fita de suspensão

preparar exercícios na fita de suspensão

Em geral, os exercícios na fita de suspensão são realizados com uma parte do corpo suspensa pelas alças da fita. Podem ser os membros superiores, inferiores, só um dos membros inferiores, etc.

Na hora de preparar um exercício escolha quais características devem ser trabalhadas no movimento. Geralmente usamos a fita para adicionar instabilidade e desequilíbrio do exercício. Também conseguimos criar exercícios que são facilitados através de seu uso.

Para ter certeza quais características você está trabalhando teste os exercícios. Assim você consegue perceber como o corpo se sente no movimento e se aquela variação está mais dificultada ou facilitada.

Testar os exercícios é uma maneira ótima para se preparar para ensinar o movimento para alunos iniciantes. Quem nunca usou a fita de suspensão precisa de instruções claras para conseguir utilizá-la e fazer o exercício corretamente. Lembrando que a eficiência do exercício está diretamente relacionada à maneira que ele é realizado.

De nada adianta escolher uma aula cheia dos melhores exercícios de treinamento suspenso se o aluno praticar errado. Cada movimento realizado em sua aula ele deve ser feito com a maior qualidade possível. Assim, você conseguirá obter os resultados que deseja na aula e também ensinar o aluno a se exercitar de maneira segura.

Portanto, existem dois fatores essenciais na hora de preparar uma aula com treinamento suspenso:

  • Decidir quais características devem ser trabalhadas e como facilitar ou dificultar o exercício através da fita de suspensão.
  • Testar para ter certeza que atingiu o objetivo desejado e decidir uma maneira eficiente de ensinar o movimento para seu aluno.

Garantia de segurança durante os exercícios

Alguns alunos vêm exercícios em suspensão e já falam:

“Eu não vou fazer isso, eu vou cair.”

Geralmente esse comentário é de um aluno mais iniciante que tem dificuldade para fazer boa parte dos exercícios com instabilidade. A não ser que você consiga mostrar para esse aluno que a fita de suspensão é perfeitamente segura ele dificilmente fará o movimento.

Por isso o exercício precisa ser muito bem explicado. Começo com um aviso: não passe um exercício mais avançado do que o nível do seu aluno. Talvez a ideia seja descontrair a aula e ensinar algo diferente, mas isso tem altas probabilidades de dar errado, especialmente quando falamos de suspensão.

Agora que você já escolheu um exercício compatível com seu aluno chegou a hora de mostrar que ele é seguro. Sempre esteja perto do aluno enquanto ele realiza o movimento, especialmente se você está trabalhando com alguém com lesões, patologias ou da terceira idade. Lembre-se que qualquer acidente leva a problemas gigantescos com esses alunos e que eles merecem atenção especial.

Caso o movimento seja especialmente instável ofereça apoio para seu aluno. Isso pode ser através do toque, guiando seu movimento, ou até dando um ponto de apoio para que o aluno aprenda a se mover com a instabilidade.

Princípios da fita de suspensão

Para garantir todos seus benefícios, a fita de suspensão segue alguns princípios. É importante conhecê-los para conseguir ensinar os exercícios corretamente. Resumidamente, esses princípios são:

  • Vetor de resistência: esse é o princípio que te ajudará a realizar exercícios mais fáceis e difíceis mudando somente o ângulo do exercício. De acordo com o ângulo formado entre o solo e praticante do exercício ele será dificultado ou facilitado.  
  • Pêndulo: a relação entre o corpo e o ponto de ancoragem do equipamento é capaz de aumentar a resistência exercida sobre os músculos trabalhados.
  • Estabilidade: quanto menor for a base de apoio do praticante do exercício mais difícil será o movimento, o inverso também é verdade.

Entenda bem esses princípios e você conseguirá o mesmo exercício para alunos avançados e iniciantes. Basta aplicar pequenas diferenças na posição do corpo em relação ao ponto de ancoragem da fita.

Conclusão

Se existe um equipamento extremamente versátil para nossas aulas é a fita de suspensão. Ao usá-la conseguimos inserir diversos exercícios e variações que são úteis para todos os tipos de alunos, desde iniciantes até avançados.

Para conseguir utilizar a fita com eficiência é preciso compreender os princípios da fita e do treinamento suspenso. Assim conseguimos adaptar os exercícios de acordo com o nível do aluno e garantimos sua segurança.

Quer conhecer alguns exercícios com a fita de suspensão para usar nas suas aulas de Treinamento Funcional? Confira meu artigo com 30 exercícios na fita de suspensão, tenho certeza que eles serão ótimos para sua aula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *